Seja Bem Vindo - 13/07/2024 03:12

Chico Amado e Xodó levam seu sertanejo autoral ao “Terra da Padroeira” 

No “Terra da Padroeira” deste domingo (29/10), às 9h, Kleber Oliveira, Tonho Prado e Menino da Porteira levantam o auditório da TV Aparecida com animadas atrações. Além de quadros como o “Cabine do Sucesso”, a produção recebe nomes do sertanejo como a dupla Chico Amado e Xodó. 

Trio terra da padroeira Easy Resize.com | Planeta Country

Os irmãos Chico Amado e Xodó já cantavam desde a adolescência por influência dos tios e primos, que tocavam em bares e festas da região. Em 1991, a dupla estreou no mercado, mas sem grande êxito, o que os forçou a interromper o sonho. Chico Amado, então, se dedicou ao trabalho de compositor. Já consagrado e reconhecido no meio artístico, em 2006, a dupla marcou sua volta ao cenário musical. No primeiro CD da dupla, com 14 faixas de Chico Amado, emplacou sucesso nacional com a música “Tá Bombando”, que leva o mesmo nome do disco. Dali em diante continuaram com shows e gravações de trabalhos, com grandes participações como Rionegro e Solimões e João Carreiro e Capataz. 

4 Gabriel e Ricardo divulgacao Easy Resize.com | Planeta Country

Outra participação do programa desta semana é da dupla Gabriel Violeiro e Ricardo Fernandes.  O primeiro é apaixonado pela viola e cresceu ouvindo pelo rádio as modas de Tonico e Tinoco e Tião Carreiro e Pardinho. Gabriel já participou de vários festivais e em suas apresentações canta os maiores clássicos da moda sertaneja raiz, procurando manter a tradição da moda de viola, que marcou sua vida e carreira. Já Ricardo Fernandes é advogado e músico apreciador da música regional, com composições próprias e grandes referências como Almir Sater, Renato Teixeira, entre outros. 

3 leo canhoto e dino santos face Easy Resize.com | Planeta Country

Também sobem ao palco do “Terra a Padroeira” Léo Canhoto e Dino Santos. Leonildo Sachi, natural de Anhumas (SP), ficou conhecido como Léo Canhoto justamente por ser canhoto. Por muitos anos, formou dupla com Robertinho (José Simão Alves). Em 2019 desfizeram a dupla e Léo Canhoto se une a Dino Santos. Já em julho de 2020, Léo Canhoto faleceu em decorrência de pneumonia. Tempos depois, com o aval da família, o irmão de Léo assume seu lugar e a dupla continua com o mesmo nome. A dupla tem em sua discografia hits como “Agora chora”, “Alfa e Ômega”, “Divino Pai Eterno” e muitas outras. 

E finalizando as apresentações a produção recebe Kauã Viola e Ricardo Amaro, dupla de campinas. 

“Terra da Padroeira”, domingo, às 9h 

Vera Jardim

Posts Recentes