Marlon Zanotelli é 3º em GP 1.60m na Finlândia e Rodrigo Pessoa vence a 1.50m nos EUA

In RODEIOS e MONTARIAS
Marlon Zanotelli é 3º em GP 1.60m na Finlândia e Rodrigo Pessoa vence a 1.50m nos EUA 41

Marlon Zanottelli atualmente é o 3º melhor brasileiro no Ranking da Federação Equestre Internacional. Campeão olímpico 2014 Rodrigo Pesssoa com nova montaria venceu em Tryon (EUA), sede Jogos Equestres Mundiais 2018.

Fechando o 33º Concurso de Salto Internacional 5* de Helsinque na Finlândia, deu Brasil no placar no GP World Cup Qualifier Longines, a 1.60 metro,nesse domingo, 22/10. Montando Celena VDL, uma égua sela holandesa filha de Chin Chin de 10 anos, o cavaleiro top Marlon Modolo Zanotelli garantiu o 3º posto, sem faltas no desempate, em 38s60.

Participaram da disputa 40 conjuntos, dentre os quais 9 habilitaram-se ao desempate idealizado pelo brasileiro Guilherme Jorge, course-designer da Rio 2016. Sagrou-se campeão o holandês Jur Vrieling montando VDL Glasgow Merelsnet, pista limpa, 36s85. O vice-campeonato ficou com o sueco Henrik von Eckerman montando Mary Lou 194, sem faltas, 38s41.

Marlon, 29, maranhense radicado na Europa há cerca 10 anos, defendeu o Brasil nos Jogos Equestres Mundiais 2014 e Jogos Pan-americanos 2015. Em 2011, Mario passou a ser o primeiro cavaleiro da Ashford Farm na Bélgica onde viria a se casar com a amazona sueca Angelica Augusston. Há cerca de um ano, o casal está a frente de um centro de treinamento próprio na Bélgica.

Atualmente, Marlon é o terceiro melhor brasileiro no ranking da Federação Equestre Internacional (com eventos até 30/9) na 54ª colocação, atrás de Pedro Veniss, 36º e Yuri Mansur, 44º. Ao lado de outros nomes grandes nomes do hipismo brasileiro, Marlon está entre os candidatos a uma vaga no Time Brasil de Salto nos Jogos Equestres Mundiais 2018, entre 11 e 23 de setembro, em Tryon (EUA).

E é justamente no Tryon International Equestrian Center que essa semana sediou um Concurso de Salto Internacional 5* da Primavera que o campeão olímpico brasileiro Rodrigo Pessoa venceu a principal prova desse domingo, 22, o Tryon Sunday Classic, a 1.50 metro. Montando Chaganus, um oldenburger de 9 anos, Rodrigo zerou o desempate em 39s865. Dos 43 conjuntos, oito foram a desempate. O norte-americano Quentin Judge com Giorgio van´t Hagenhof foi vice, sem faltas em 40s397. A 3ª colocação foi do belga Nicola Phillppaerts com Aikido Z, pista limpa, 40s542.

Atualmente, Rodrigo, 44, mais premiado cavaleiro brasileiro de todos os tempos e que acabou ficando de fora da Rio 2016, também é treinador da equipe irlandesa, campeã europeia 2017. Com novos cavalos, o brasileiro que já liderou o ranking mundial por diversas vezes, pode em breve voltar a integrar as principais equipes brasileiras.

 

Informações:

imprensa@cbh.org.br – 11 99715 9499 – Carola May 

ruthe.araujo@uol.com.br – 11 99131.4712 – Rute Araujo

 

You may also read!

Alex Fava lança clipe de “Então vai” após resultado expressivo em chegada às rádios do Brasil 42

Alex Fava lança clipe de “Então vai” após resultado expressivo em chegada às rádios do Brasil

Em vídeo, cantor resume uma história muito conhecida por diversos casais. Final gera dúvida nos expectadores. Confira Assista aqui: “Então vai”

Read More...
Brahma apresenta em primeira mão novo álbum de Jorge & Mateus, com músicas inéditas e première especial 43

Brahma apresenta em primeira mão novo álbum de Jorge & Mateus, com músicas inéditas e première especial

Trabalho chamado de Tudo em Paz vai ser revelado pela marca nesta quinta-feira no canal do YouTube dos artistas Uma

Read More...
Best Festival Digital apresenta festival online com artistas gaúchos 44

Best Festival Digital apresenta festival online com artistas gaúchos

Projeto cultural será transmitido pelo YouTube nesta quinta e sexta-feira   Nesta semana, dias 22 e 23 de abril (quinta e

Read More...

Deixe um comentário:

Seu email não será publicado.

Mobile Sliding Menu